DIAMANTE NEGRO – SEBASTIÃO NASCIMENTO – RIP

Cultura paraense perde pioneiro das aparelhagens

Edição de 16/11/2010
JOIA RARA – Sebastião Nascimento, o Manteguinha, comandou o ‘Diamante Negro’

A cultura musical paraense perdeu ontem um dos pioneiros das aparelhagens sonoras: vítima de câncer, aos 82 anos de idade, o cametaense Sebastião Cosme Nascimento morreu em casa, por volta das 10h30, deixando entristecidos a mulher Marlene, cinco filhas, amigos e muitos admiradores de seu trabalho à frente da aparelhagem sonora Diamante Negro – A Jóia Rara, que, por quase cinco décadas, embalou gerações de dançarinos em bailes de Belém. “Quem fica parado é poste”, costumava dizer Manteguinha, como era conhecido Sebastião, por seu extremo zelo para com a aparelhagem. Sebastião morreu a três dias do lançamento do livro “Sonoro Diamante Negro”, da filha e jornalista Suely Nascimento, que integra a equipe do jornal “Amazônia”. O livro será lançado nesta quinta-feira, às 19 horas, na sede do São Domingos Esporte Clube Recreativo e Beneficene, na avenida Roberto Camelier com a Timbiras, no bairro do Jurunas. O corpo de Sebastião está sendo velado na capela mortuária do Recanto da Saudade, na rua Diogo Móia, entre Alcindo Cacela e 9 de Janeiro, e será sepultado às 9h30 de hoje, no Cemitério de Santa Izabel, no Guamá.

O livro faz parte do projeto Conexão Artes Visuais 2010, da Fundação Nacional de Artes (Funarte) / Ministério da Cultura, com patrocínio da Petrobrás, e conta por meio de 65 fotos um pouco da trajetória histórica do Diamante Negro, iniciada quando Sebastião, aos 15 anos, começou a animar casamentos, batizados e eventos familiares de amigos e conhecidos, com apenas uma tuíta e um alto-falante, nos anos 50, tudo dentro de um carrinho de mão. Na época, um irmão dele, o Chiquito chegou a atuar como animador (hoje DJ) do então sonoro São Sebastião; mas, depois, quem pilotou mesmo a aparelhagem sonora foi o “Manteguinha”, até 2004, quando a vendeu.

Nos anos 80 e 90, o Diamante Negro (nome dado pelo técnico de som Benjamim Marques) teve seu auge, comandando festas e bailes quase todos os dias, revelando DJs e locutores de rádio. Sempre cuidando qualidade de som – marca da aparelhagem, porque Sebastião Nascimento não abria mão de ter uma estrutura sonora de primeira -, nas torres de caixas acústicas e na mesa, elepês e compactos de Reginaldo Rossi, Jerry Adriani, Elvis Presley, The Beatles, Roberto Carlos, Luiz Gonzaga e tantos outros nomes musicais fizeram as festas. O sonoro chegou a tocar no Theatro da Paz, em 1950, e a cobrir apresentações de artistas em Belém.

Sebastião Nascimento deixa saudosos a mulher Marlene e as cinco filhas. A contribuição dada por ele à memória musical do Estado não se esgota no livro a ser lançado quinta-feira. Mas, a publicação é um passaporte para uma viagem ao universo do Diamante Negro, algo tão paraense como a alegria de viver do Manteguinha.

RETIRADO DE O LIBERALDIGITAL

Anúncios

2 respostas em “DIAMANTE NEGRO – SEBASTIÃO NASCIMENTO – RIP

  1. sou fam à muito tempo do DIAMANTE quando tocava na sede São Joaquin E C, marambaia e de outras da mesma época se bem que são as mesmas, outras não! fizeram modificações.éramos amigos do SABÁ como chamavamos,Èramos do VASCÂO,e gostavamos das aparelhagens de qualidade de som etc…posso citar: diamante,embaixador(do zoenio irmão do zenildo do brasilandia),nova dimenção,santos,santa rosa…se vc tivesse fotos do DIAMANTE gostaria de ver para matar a saudade,li no liberal e vi na net sua materia,gostei !!! onde encontro o livro?espero resposta.um abraço.o Email não é meu é da minha filha .PARABÊNS!!!

    • Auri, seja muito bem-vinda, se “aprochegue” a casa é sua:-) Vou verificar tudo direitinho, com a Suely que é a autora do livro e filha do dono da “aparelhagem”. Assim que eu tiver uma resposta, eu escrevo para você, neste email de sua filha. Certo?.
      O livro eu ganhei da autora. Mas, vou também me informar: as fotos são muito lindas.
      Uma abração. Obrigada por comentar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s